segunda-feira, 2 de julho de 2007

A letra [P] da palavra amizade

Nas altas horas da noite, chamei por ti em vão! Naquele momento queria falar-te, contar-te parte de mim! Queria saber de ti, como estás, por onde andas…
Queria que soubesses o quanto fazes parte mim, em ti confio segredos profundos, daqueles que irão para o caixão!
Mas, não estavas, compreendo, mesmo desejando que assim não fosse…alimentamos sonhos e esperanças mas sempre com esta distância, a mesma que separa a Europa da América, é enorme, é um oceano pela frente, meu barco não chega lá, não passa pelo horizonte, permanece aqui junto à costa, à deriva entre palavras e pensamentos, entre desejos e ilusões!
Talvez um dia, acorde com asas e voe. Rasgos os céus, atravesso o mar, cruzo-me com as nuvens e vá junto a ti…que seja sempre real aquilo que nos une!

4 comentários:

Márcia(clarinha) disse...

A distância dói demais, mas o pensamento aquece a saudade...
semana de luz,flor
beijoss

Klatuu o embuçado disse...

BLOG DE UM PLAGIADOR: http://spring-gold.blogspot.com/




http://meninamomentos.blogspot.com/2007/05/um-falso-querer.html

http://spring-gold.blogspot.com/2007/07/no-espero-que-me-entendas-quero-de-ti_02.html

http://tocolante.blogspot.com/2005/04/25-de-abril.html

http://spring-gold.blogspot.com/2007/04/tocou-o-telefone-na-madrugada-l-longe-l.html

http://tsilva.blogs.sapo.pt/108951.html

http://spring-gold.blogspot.com/2007/04/o-nosso-cames-genial.html

http://corta-fitas.blogspot.com/search/label/Tert%C3%BAlia%20liter%C3%A1ria

http://spring-gold.blogspot.com/2007/04/versos-para-as-fitas-de-final-do-curso.html

Edna Federico disse...

Que lindo texto.
A distância dói mesmo, dói demais, mas quando trazemos a pessoa dentro do coração e na memória, ela torna-se mais curta

[P] disse...

Seu barco pode até não chegar, Vanda, mas seus pensamentos sempre chegam, fique certa disso, minha amiga querida. Queria eu poder também adivinhar em quais momentos eu deveria estar o mais perto possível, mas saiba que, quando isto não é possível, estamos juntas em pensamento, como amigas mais do que reais.

Que texto lindo! E eu nem mereço tanto, mulher! Te adoro. Brigada, viu?

Beijos.