sábado, 25 de novembro de 2006

Mundo novo...


Houve dia em que pensei, que o melhor seria criar um mundo novo para mim.
Um mundo quase perfeito, onde me iria sentir bem.
Mas por muito que imagina-se esse mundo…tudo o que eu imaginava já existia neste em que vivo!
Paz, amor, alegria, luz, sol, sofrimento, guerras, tristeza, escuridão e até mesmo as estrelas e a lua!
A praia com pôr-do-sol, uma noite no campo a observar as estrelas e o cântico das cigarras.
Tudo isto faz parte do meu mundo, do nosso mundo!
Tenho que descobrir a harmonia, aquele ponto exacto onde nada se aniquila, mas onde se encontra a sintonia.


Então para quê criar um mundo novo! Se posso viver neste, que já existe!
Onde posso cuidar do meu jardim, olhar para as estrelas, dar as boas-vindas a cada manhã e observar cada pôr-do-sol!
Tenho é que descobrir a quantidade de luz em proporção à escuridão!

5 comentários:

Advi Morena disse...

Nossa, muito bom.
Mas as vezes criar um novo mundo parece a solução já que tem as coisas ruins tbm bjokas
Boa semana

Mel disse...

Talvez possamos criar um mundonovo dentro de nós mesmos. Percebendo as coisas com um novo olhar, uma nova maneira criamos um mundo novo!
Lindo post. Beijo

Patrícia disse...

E se já se sabe o que tem que ser feito, fica mais fácil... mãos à obra. Beijos.

Simone Ferraz disse...

Esse mundo está complicado, mas se você criasse outro, o que tem de ruim nesse acabaria tendo no outro também!!!
O importante é aproveitar a vida, ser feliz, fazer o bem... o que está ruim, a gente pode tentar melhorar!!!

Beijos,
Simone.

Mel disse...

Por onde vc anda?
:)